DestaqueEsportesGeral

Ex-atleta da “Jataiense” está internado na UTI de um hospital em Goiânia e família pede doadores de sangue tipo O Negativo

O ex-atleta da Jataiense, Roldão Barros, bastante debilitado aos 68 anos, após enfrentar um câncer e ser diagnosticado com Alzheimer. Roldão está na UTI de um hospital em Goiânia. | © Reprodução/Facebook.
86Visualizações
Portal Rede Pop Notícias e Entretenimento

O ex-atleta, goleiro da Associação Esportiva Jataiense, Roldão Alves de Barros, internado há quase um mês, teve seu quadro clínico de saúde agravado e encontra-se internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Jacob Facuri, na rua 8, nº 657, no centro de Goiânia.

Segundo informações de familiares próximos, Roldão Barros encontra-se muito debilitado após o diagnóstico de Alzheimer, aos 68 anos. Está ainda com problemas sérios no esôfago, na fala e na mobilidade. Recentemente, começou a perder muito sangue pela urina, o que reforça a suspeita médica de retorno de um câncer agressivo que ele enfrentou há cerca de 20 anos.

Doadores com tipologia sanguínea “O Negativo” que puderem contribuir doando sangue, devem procurar o Instituto de Hemoterapia de Goiânia (IHG), na Avenida Dr. Ismerino Soares de Carvalho, esquina com a Rua 7-A, nº 623, setor Aeroporto, em Goiânia, de segunda a sexta, das 7 às 13 horas. A família de Roldão Barros agradece.

Importante ressaltar que as doações devem ser identificadas ao doador e ao hospital (Roldão Alves de Barros / Hospital Jacob Facuri – UTI). Outros tipos de sangue também podem ser doados para ajudar a compor o Banco de Sangue do IHG. Informações, pelo telefone (62) 3219-7100.

JATAIENSE – Natural de Alto Araguaia (MT), Roldão Alves Barros residiu, com sua mãe, Maria Alves de Barros, e seus outros seis irmãos, em Jataí (GO) por muitos anos, antes de transferir residência definitiva para Goiânia (GO). Tornou-se popular graças à sua atuação no desporto jataiense, principalmente no período em que integrou o elenco da Associação Esportiva Jataiense, na posição de goleiro, nos anos 70.

Pertencente à uma família muito popular em Jataí, Roldão Barros é irmão dos falecidos José Alves de Barros, o “Zezão da Kombi e da ambulância prefeitura de Jataí” (também motorista do Núcleo do Câncer em Jataí) e do ex-vereador e ex-vice-prefeito de Serranópolis (GO), Oliveiros de Jesus Barros. É pai do DJ e jornalista de Goiânia, Roldão Barros Jr. e tio-paterno do jornalista Terry Marcos Dourado, diretor-proprietário do Portal Rede Pop e da PopMix RádioWeb.

Portal Rede Pop Notícias e Entretenimento
Terry Marcos Dourado
Jornalista, radialista, apresentador de TV e WebTV, cerimonialista em eventos, também artista e "youtuber" no Estado de Goiás; com mais de 27 anos de experiência profissional em Jornalismo (desde 21/11/1991), Terry Marcos Dourado é o idealizador, diretor-proprietário, diretor de conteúdo, editor-geral e jornalista responsável pelo Portal Rede Pop (Gazeta Popular, PopTV, PopMix RádioWeb, Estelar Filmes, Agência PopStar e o Canal Hiper T, no Youtube.).

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários:

LEIA COM ATENÇÃO

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias (PORTAL REDE POP NOTÍCIAS E ENTRETENIMENTO) reserva para si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência.

Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links.

Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Postagens criminosas, que firam a legislação brasileira serão repassados às autoridades policiais competentes para rastreamentos e as medidas legais cabíveis aos criminosos.

Deixe uma resposta