A cidade de Rio Verde, a maior e mais populosa da região sudoeste de Goiás, vai ser um dos destaques do programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, neste domingo (13/8). A reportagem que vai ser exibida no programa da Globo vai mostrar o trabalho da equipe médica do Hospital Presbiteriano Dr Gordon, que conseguiu reanimar um garoto de 12 anos após o mesmo ter sofrido uma parada cardíaca que durou 48 minutos, segundo informações.

O CASO – O adolescente Ícaro Freitas, de 12 anos, teve uma parada cardíaca por quase uma hora em Rio Verde (GO). Após 48 minutos de tentativas de reanimação o garoto finalmente reagiu. Depois disso, ficou internado por 42 dias, chegou a perder a visão, mas já voltou a enxergar. Dois meses depois do incidente, Ícaro continua se recuperando bem e afirma querer estudar medicina. “Médicos que salvaram a minha vida. Quero salvar outras vidas também”, comentou Ícaro, emocionado.

Este garoto, Ícaro Freitas, 12 anos, sobreviveu à uma parada cardíaca de 48 minutos.

A mãe de Ícaro Freitas, a dona de casa Nívea Oliveira, contou que o filho havia ido à uma mercearia e voltou para casa passando mal. Segundo ela, o adolescente se deitou e uma tia começou a fazer massagens cardíacas no peito dele. “Não estava adiantando. Ele também tinha vontade de vomitar, mas também não conseguia”, disse a mãe, acrescentando que, durante o momento de desespero, ela correu com o filho para fora de casa e pediu ajuda para quem estivesse na rua.

A colunista de moda Thay Sanqueta passava pelo local e viu a mulher desesperada pedindo por socorro. Thay levou a mãe e o filho para o hospital. No caminho, ela percebeu que o estado de saúde de Ícaro Freitas poderia ser grave.

“Na primeira curva aqui que eu fui segurar o corpo dele para não cair eu senti a temperatura dele muito diferente, me lembrou a temperatura de quando eu encontrei meu pai morto. Naquela hora eu assustei”, relatou a colunista à reportagem da TV Anhanguera/Globo. Ao chegar no Hospital Presbiteriano Doutor Gordon (Hospital Evangélico), o garoto foi atendido cardiologista Joaquim Spadoni. “Ele (Ícaro) chegou com uma parada cardíaca. Foram mais de dez choques para tentar reanimá-lo, mas ele apresentava fibrilação, arritmia. Fizemos massagem cardíaca por 48 minutos até que o coração voltou a bater”, contou o médico.

O cardiologista Joaquim Spadoni Barboza coordenou uma equipe de socorristas na aplicação de uma técnica que aprendeu nos Estados Unidos. O procedimento salvou a vida do garoto Ícaro Freitas, que teve uma parada cardíaca de 48 minutos.

Após a reanimação, a equipe do cardiologista Joaquim Spadoni usou uma técnica de resfriamento do corpo com soro gelado e bolsas de gelo para minimizar os possíveis danos neurológicos. O adolescente recebeu o resfriamento durante dois dias e foi reaquecido em seguida, levando cerca de uma semana para recobrar a consciência. Ícaro Freitas permaneceu 19 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Evangélico de Rio Verde (GO), e outros 23 dias internado no mesmo hospital.

Ícaro chegou a ter problemas de visão, mas já se recuperou quase que totalmente. “Ele está praticamente recuperado. No futuro poderemos fazer testes neurológicos para avaliar a capacidade cognitiva, para continuar acompanhando o caso dele”, comentou Spadoni.

DESTAQUE NACIONAL – Na sexta-feira, 11/8. uma equipe do programa Fantástico esteve no Hospital Presbiteriano Dr Gordon gravando imagens e entrevistas com médicos plantonistas que reanimaram o garoto. O programa vai mostrar como as técnicas de resfriamento aprendidas nos Estados Unidos e praticadas pelo médicos do hospital, sob o comando do médico-cardiologista rio-verdense, Joaquim Spadoni Barboza, salvaram a vida de Ícaro Freitas.

O médico Joaquim Spadoni pertence à uma família tradicional de médicos na região. Uma das salas do Hospital Presbiteriano Dr Gordon leva o nome de sua mãe, a médica Lídia Spadoni, falecida no ano passado e reconhecida na comunidade pela atuação filantrópica na medicina. O reconhecimento da Rede Globo de Televisão encheu os funcionários de orgulho. “É uma valorização importante da nossa profissão, que ultimamente anda tão desgastada”, disse o médico Osvaldo Fonseca, que integra a equipe responsável pelo atendimento do adolescente. [Com informações do “Diário de Rio Verde”.]

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Terry Marcos Dourado
Carregar mais por Cidades

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias (PORTAL REDE POP TRANSMÍDIA) reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Postagens criminosas, que firam a legislação brasileira serão repassados às autoridades policiais competentes para rastreamentos e as medidas legais cabíveis aos criminosos.

Veja Também

Prefeitura de Jataí (GO) surpreende e emociona público com decoração e programação natalina inéditas

Nunca antes na história de Jataí, cidade da região sudoeste de Goiás, a população foi pres…